Equipes do Proerd e do Policiamento Escolar recebem treinamento no Bope

Publicado em 11 de maio de 2018

Equipes do Proerd e do Policiamento Escolar recebem treinamento no Bope  Foto: Mardilson Gomes 

 

Zelar pela segurança da comunidade escolar é uma das premissas importantes do governador Tião Viana. Por isso, a Secretaria de Educação e Esporte (SEE) e a Policia Militar do Acre (PMAC) tem uma importante parceria para garantir um ensino de qualidade em nosso Estado.

E a preocupação com a segurança engloba a capacitação e reciclagem dos policiais militares que fazem parte do Programa Educacional de Resistência às Drogas (Proerd) e do Policiamento Escolar. Esta semana, eles realizaram um treinamento de dois dias no Batalhão de Operações Especiais (BOPE).

De acordo com o tenente João Jácome, que coordena o policiamento escolar, trata-se de uma atividade programada pelo tenente-coronel Douglas Thomaz, que é coordenador do Policiamento Comunitário. “Está reunido aqui neste treinamento todo o efetivo do Proerd e do Policiamento Escolar”, explica.

Tenente Jácome destaca importância do treinamento.
Foto: Mardilson Gomes

O treinamento é feito por especialistas do Bope que passam instruções aos militares sobre armamentos e também sobre abordagem. “O BOPE é um batalhão especializado, tem dotado a tropa com boas instruções e, então, solicitamos essa capacitação, haja visto que nossos policiais há tempos não tinham esse tipo de treinamento”, explicou Jácome.

“Essa demanda busca atender, sobretudo, o ambiente escolar, que é abordado tanto pelo policiamento quanto também pelo Proerd e também serve para ser utilizado no trabalho cotidiano do policial militar, seja nas ações preventivas, seja nas ações ostensivas, se necessário for”, disse.

 

19 anos de Proerd

 

Este ano, o Proerd completa 19 anos desde que implantado. De lá para cá já foram mais de 144 mil crianças e adolescentes atendidos pelo Programa, sendo 8 mil deles somente no ano passado.

Tendo como missão manter as crianças e adolescentes longe das drogas e da criminalidade, sobretudo os que vivem em situação de vulnerabilidade social, o Proerd conta com o apoio do policiamento escolar, que desde o ano passado, conta com uma coordenação que funciona no Centro de Referência e Inovações para a Educação (Crie).

 



COMENTÁRIOS: