SECRETARIA DE ESTADO DE EDUCAÇÃO E ESPORTE DO ACRE 

notícias

da

educação

Do sertanejo ao gospel, finalistas do FEC garantem show de ritmos neste domingo

O Festival Estudantil da Canção (FEC), cuja grande final acontece neste domingo, 27, conta com variados estilos de músicas. Entre os classificados dos municípios do interior do estado, o sertanejo, o gospel e o MPB são os que mais fazem sucesso. Com a variada participação, aumentam a expectativa e a concorrência. Por isso, escolher uma boa música pode ser uma estratégia para sair na frente na competição.

Beatriz Jerônimo, 17 anos, finalista de Brasileia, canta desde os 12 anos e tem na música uma atividade, digamos, profissional. Ela se apresenta em restaurantes, festas e localidades próximas de onde mora. Apesar disso, essa é primeira vez que participa de um concurso.

“Estou com grandes expectativas, nervos à flor da pele, porque têm grandes vozes aqui. Não vai ser fácil”, afirma. 

DSC 0283

 

A estudante Beatriz Jerônimo canta desde os 12 anos de idade (Foto: Ariel Lima)

 

Ela conta que seu estilo é bem variado, mas escolheu um sucesso da música sertaneja para se apresentar. “Foi o estilo que mais se adequou à minha voz nos ensaios. Eu e a banda decidimos optar por ele”, complementa.

Já o município de Capixaba é representado por Lilian Verônica Gonçalves, de 17 anos. Influenciada pela mãe desde a infância, ela cresceu na música por meio do Gospel.

“A música entrou na minha vida pra complementar e louvar. É uma maneira diferenciada de eu me sentir completa”, conta. 

Soma-se a isso a sua participação no coral da cidade. Com as atividades escolares diárias, Lilian teve que deixar o grupo para se dedicar mais à vida escolar. A surpresa veio quando o projeto do FEC chegou a sua escola. “O concurso veio para me completar, foi uma alegria, tanto pra mim quanto para os outros jovens”, pontua Verônica Gonçalves.

Assim como Lilian, as amigas Gisele Xavier, de Acrelândia, e Kiriam Magalhães, de Epitaciolânda, também optaram pelo gospel. As jovens de 15 e 17 anos cresceram no meio religioso e não tiveram dúvidas na hora de escolher esse estilo.

DSC 0390

Estudantes se preparam para a grande final do Fec 2017 (Foto: Ariel Lima)

 

Shirlei de Lima, de Assis Brasil, embora evangélica e amante do gospel, decidiu apostar na canção ‘Sozinho’, de Caetano Veloso. “Eu gosto desse estilo mais calmo e tranqüilo, e estou confiante”, diz.

Bryan Rocha, 17 anos, finalista do município do Bujari, canta, dança e atua. Escolheu o som mais vibrante e agitado da banda NX Zero. A escolha da música reflete um pouco da sua personalidade. “A música me traz alegria, diversão, inovação e paz” diz. Mas ressalta que a “música é uma diversão que eu levo com muita seriedade”.

FEC 2017

O festival é uma realização do governo do Estado, por meio da Secretaria Estadual de Educação e Esporte (SEE), Fundação de Cultura e Comunicação Elias Mansour (FEM) e da Assessoria de Juventude (Assejuv). Na capital, a ação conta com o apoio da prefeitura de Rio Branco.

A participação dos municípios ampliou a participação dos estudantes e revelou mais talentos.  Essa edição contou com aproximadamente 52 escolas participantes, com mais de 300 inscritos, maior número comparado à última edição, que registrou 26 escolas participantes e 226 inscritos. A final acontece no domingo, 27, às 18 horas, na Concha Acústica.

Conta